Compreenda se uma dívida pode ser cobrada após 5 anos



Muitas pessoas em situação de inadimplência têm questionamentos sobre a condição de suas dívidas após um período sem pagamento.

Mesmo que não seja conhecido por todos, uma dívida pode continuar sendo cobrada mesmo após “caducar”. Então surge a pergunta: após 5 anos, a situação se resolve?

Neste artigo, vamos esclarecer como funciona uma dívida caduca, o que acontece após 5 anos sem pagamento e se o nome fica limpo nesse cenário. Continue lendo.

O que acontece com uma dívida após 5 anos?

Quando uma dívida não é quitada em 5 anos, ela se torna uma dívida caduca. Uma dívida caduca não resulta mais em negativação do devedor, ou seja, o inadimplente é removido dos registros de crédito e o nome volta a estar limpo. Após os 5 anos, a empresa não pode mais incluir o devedor nos órgãos de proteção ao crédito.

No entanto, a dívida não desaparece após esse período, pois representa uma relação não cumprida entre credor e devedor. Logo, uma dívida com mais de 5 anos permanece existindo e pode ser cobrada informalmente, através de correspondências, ligações e outras formas de comunicação.

Afinal, depois de 5 anos o nome limpa?

Após 5 anos, o nome é retirado dos registros do SPC e Serasa, mas a dívida não desaparece. Ainda é possível que a empresa cobre o valor devido. Contudo, ela não pode mais negativar o consumidor, mantendo a dívida fora do conhecimento de terceiros.

Quais dívidas caducam após 5 anos?


De acordo com a Lei nº 10.406/2002, os prazos para algumas dívidas são os seguintes:

– Hotéis e restaurantes: 1 ano;
– Prestações de aluguel: 3 anos;
– Empréstimos, cartões de crédito, cheque especial: 5 anos.

Ao passar esse prazo, o nome será retirado dos órgãos de proteção ao crédito e a empresa não terá mais direito de cobrar judicialmente.

É essencial lembrar que mesmo com uma dívida caduca, possuir outras pendências manterá o nome sujo.

Enviar pelo WhatsApp compartilhe no WhatsApp

Pode cobrar uma dívida depois de 5 anos?

Mesmo que a dívida caduque e o nome volte a estar limpo, a dívida continua existindo. O prazo de 5 anos é para a cobrança judicial, a partir da data de vencimento. Após esse período, a dívida prescreve e não pode mais ser cobrada legalmente.

No entanto, a empresa ainda pode realizar cobranças informais através de correspondências, ligações, entre outros meios.

Quanto tempo para o nome sair do SPC/Serasa?

Os prazos para o fim da caducidade e a remoção do nome dos cadastros de crédito como SPC/Serasa podem variar dependendo do tipo de dívida. Uma vez que as empresas consultem suas informações, elas não terão acesso à dívida caducada, pois apenas a instituição credora terá conhecimento da pendência.

Ademais, uma dívida com mais de 5 anos não influenciará mais a pontuação de crédito do devedor, não sendo um fator negativo para obtenção de crédito.

Estas informações podem ajudar a compreender melhor o cenário de dívidas caducas, maneiras de renegociar pendências e obter crédito para regularizar a situação financeira. É importante buscar soluções para quitar as dívidas e recuperar a saúde financeira. Para mais dúvidas, confira as perguntas frequentes abaixo.

Perguntas frequentes:
1. É verdade que dívida prescreve com 5 anos?
R: Sim, muitas dívidas prescrevem após 5 anos, mas a dívida pode continuar sendo cobrada.

2. Quanto tempo o banco pode cobrar uma dívida judicialmente?
R: O banco tem 5 anos para cobrar judicialmente, após isso só por meios informais.

3. O que significa uma dívida vencida no Serasa?
R: Significa que a dívida caducou após 5 anos e seus dados serão retirados dos cadastros.

4. Quantos dias leva para o nome sair do Serasa?
R: Pode levar até 5 anos dependendo do tipo de dívida.

Para mais informações, mantenha-se atualizado com nossos conteúdos semanais. Se inscreva em nosso formulário e receba nossos destaques por e-mail.


*Agora, escolha a melhor forma de limpar seu nome e resolver suas dívidas de maneira consciente e responsável.*

📂 Educação Financeira